Prefeitura de Porto Velho promoveu mutirão de inserção de DIU no fim de semana

peixe-post-madeirao

Prefeitura de Porto Velho promoveu mutirão de inserção de DIU no fim de semana

peixe-post-madeirao
Multirão DIU pvh

O direito a uma gravidez planejada é uma conquista recente das mulheres e assegurada hoje pela Prefeitura de Porto Velho. No último sábado (2), o Município promoveu a inserção de DIUs e outros atendimentos médicos. Ao todo, mais 400 mulheres foram atendidas, destas 242 implantaram o DIU, sendo 43 do Município de Alto Paraíso e 199 de Porto Velho.

O serviço é uma prática rotineira promovida pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa). O procedimento aconteceu no Centro de Referência de Saúde da Mulher e no último sábado foi ofertado de forma espontânea.

“Essa é a terceira edição que atendemos mulheres da capital. Semanalmente, através de agendamento, realizamos os procedimentos aqui na unidade”, explica a secretária adjunta da Semusa, Marilene Penati.

A ação faz parte do projeto de planejamento reprodutivo que busca orientar e prevenir que adolescentes engravidem cedo. Na prática, o serviço é agendado após a paciente solicitar o procedimento na rede municipal de saúde básica.

Mulheres

A novidade é que nos mutirões de inserção de DIU, os atendimentos ocorrem por demanda espontânea. As mulheres são direcionadas a palestras educativas e encaminhadas para a realização de exames de gravidez e Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s). Após isso, elas passam por uma ultrassonografia e, finalmente, a inserção do DIU.

Além de mulheres da capital, o Município também recebeu 43 mulheres da cidade de Alto Paraíso, através de uma parceria firmada entre as duas prefeituras. Aline Alexia foi uma dessas mulheres que se deslocou mais de 200 quilômetros em busca do procedimento. “Estou mais aliviada agora. O acolhimento é bem organizado e explicativo”, afirma.

Referência

O Mutirão de inserção do DIU aconteceu até às 17h. O Centro de Referência de Saúde da Mulher está localizado na rua Venezuela, número 2356, bairro Embratel, ao lado da Maternidade Municipal Mãe Esperança, na Capital.

O DIU é um pequeno dispositivo intrauterino feito para prevenir uma gravidez indesejada. Ele é um método contraceptivo reversível e de longa duração.