//

Rosas de Ouro promete encantar e conscientizar com tema sobre Desmatamento, no Arraial Flor do Maracujá

peixe-post-madeirao-48x48

Rosas de Ouro promete encantar e conscientizar com tema sobre Desmatamento, no Arraial Flor do Maracujá

peixe-post-madeirao

Apresentação da quadrilha está marcada para 26 de junho, às 20h30

A quadrilha Rosas de Ouro, fundada em 12 de abril de 2003, após uma conversa entre amigos, foi campeã em 2007. Localizada no Bairro Tucumanzal, ela é destaque constante no Arraial Flor do Maracujá. Em 2024, o grupo apresentará o tema “O Verde que Emociona”, uma crítica ao desmatamento da Amazônia. A apresentação será no dia 26 de junho, às 20h30, durante a 40ª edição do Flor do Maracujá, que ocorrerá de 21 a 30 de junho, no Parque dos Tanques, em Porto Velho. O evento é organizado pelo governo de Rondônia.

Os ensaios da quadrilha acontecem na Escola Estadual de Ensino Fundamental Padre Mário Castagna, na Vila Tupi. Segundo a presidente da agremiação, Neiva Mariano, a Rosas de Ouro toca a comunidade. “É cansativo, mas maravilhoso trazer esses jovens para a cultura. Também temos a quadrilha mirim, com o tema ‘Chaves Isso, Isso, Isso’, e ‘O Verde que Emociona’ na adulta. Vamos mostrar tudo no Flor do Maracujá”, destacou.

Importância Cultural

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, ressaltou a importância cultural do evento, reconhecido como Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do estado. “O Arraial Flor do Maracujá promove nossa cultura e tradições. O estado busca estimular o comércio e gerar empregos para os moradores da região. O sucesso desse evento é resultado do engajamento dos grupos em realizarem apresentações grandiosas”, afirmou.

Crítica ao Desmatamento

O criador do tema de 2024, Dell Lima, comentou que o desenvolvimento do tema começou no final do ano passado. “Trazemos uma crítica ao que vem acontecendo com a Amazônia nos últimos anos. Quando ela está bem cuidada, nos emociona; quando está maltratada, a crítica se faz necessária”, explicou.

Rosas de Ouro Mirim

A agremiação mirim, criada em 2015, foi campeã em 2017. A apresentação do grupo no Arraial Flor do Maracujá está marcada para o dia 27 de junho, às 19h30. Os ensaios da Rosas de Ouro Mirim, que atualmente conta com 27 pares, também acontecem na Escola Padre Mário Castagna, na Vila Tupi.

De acordo com Júnior Lopes, titular da Secretaria de Estado da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), o Flor do Maracujá celebra a cultura e é uma oportunidade de destacar temas importantes de forma lúdica.

.