Vilhena acelera trâmites nas secretarias e ainda aumenta economia com papel

peixe-post-madeirao

Vilhena acelera trâmites nas secretarias e ainda aumenta economia com papel

peixe-post-madeirao
CAPACITAÇÃO SEMAD (1)

Vilhena avançou ontem na implantação do processo eletrônico na Prefeitura: a Secretaria Municipal de Administração (Semad) treinou mais de 100 servidores de diversas secretarias para começarem a utilizar o sistema. Instalado em junho, o programa passou pelas fases de configuração e conexão com banco de dados e agora vai entrar em operação em parte da administração municipal, reduzindo o volume de papel, agilizando o andamento dos processos, gerando economia de recursos públicos e facilitando a busca de informações.

Devido à pandemia, para evitar possível contaminação, o treinamento com os 104 servidores já cadastrados para usar o sistema aconteceu nesta quinta-feira por meio de videoconferência.

Planejamento

“Queremos acabar com a tramitação em papel na Prefeitura, pois esse é o futuro. Desde que entrei na Prefeitura fazemos planejamento para modernização, com vistas ao que desejamos para o município no futuro. Essa melhora no serviço interno vai refletir diretamente na qualidade de atendimento ao cidadão, tornar o andamento processual mais eficiente e rápido, além de economizarmos ‘montanhas’ de papel que hoje, com o mundo digital, se tornam cada vez menos necessárias”, salienta o prefeito Eduardo Japonês. 

Configuração

De acordo com Reginaldo “Shalom”, secretário municipal de Administração, essa é a maior inovação da história da Prefeitura de Vilhena quanto ao andamento processual. “Esse treinamento de hoje faz parte do grande movimento de implantação do processo eletrônico, que começamos em 24 de maio, com uma semana de configuração inicial por parte da empresa que fornece o software. Será uma revolução extremamente positiva na velocidade, segurança, facilidade e comodidade para o andamento dos documentos na Prefeitura”, explica. 

A Semad se dedicou na capacitação dos servidores com o início da instalação do software em junho. O diretor administrativo da folha de pagamento, Bruno Stedile, explica as etapas já realizadas até o momento. “Configuramos a comunicação entre o programa na Semad e a Saúde, Educação e Folha de Pagamento da Secretaria Municipal de Fazenda. Em julho estendemos isso para a Secretaria Municipal de Obras e continuamos dando suporte e treinamento para Educação e Saúde. Agora, no fim de julho e início de agosto, cadastramos as 29 escolas e os sete postos de saúde, bem como o CER, Centro Especializado de Reabilitação”, afirma.