Sobrinho acusado de matar tio e concretar corpo em calçada é julgado; réu chegou a fazer churrasco em cima da cova

peixe-post-madeirao

Sobrinho acusado de matar tio e concretar corpo em calçada é julgado; réu chegou a fazer churrasco em cima da cova

peixe-post-madeirao
Sobrinho acusado de matar tio e concretar corpo em calçada é julgado; réu chegou a fazer churrasco em cima da cova

Crime ocorreu há um ano e Júri acontece nesta sexta-feira (17) em Vilhena (RO). John Rodrigues do Nascimento é acusado de homicídio qualificado e ocultação de cadáver. Corpo de Nilton Nascimento foi encontrado após policiais quebrarem concreto de calçada, em Vilhena
Reprodução
John Rodrigues do Nascimento, acusado de matar o próprio tio e depois concretar o corpo debaixo de uma calçada, será julgado nesta sexta-feira (17) pelo Tribunal do Júri em Vilhena (RO), a 700 quilômetros de Porto Velho.
O crime ocorreu em agosto do ano passado e o corpo de Nilton Nascimento foi encontrado 10 dias depois por policiais.
Segundo a Polícia Civil, o suspeito matou a vítima a facadas após uma discussão por motivo fútil, durante uma ‘bebedeira’.
DESABAFO: ‘Dançaram e assaram carne em cima do tio’
INVESTIGAÇÃO: Como a polícia chegou na localização do corpo
Após o crime, John enterrou o corpo do familiar no quintal, construiu uma calçada por cima e instalou uma churrasqueira para esconder o crime.
Dias depois do homicídio, o acusado chegou a convidar vários familiares e fez uma festa de aniversário em cima da calçada construída no local onde o corpo de Nilton foi enterrado.
“Eles beberam o dia todo, tomaram banho de mangueira, dançaram e assaram carne em cima do tio… em cima do tio”, contou a irmã de Nilton em uma entrevista à Rede Amazônica na época.
Tribunal do Júri
O júri de John Rodrigues do Nascimento começou às 8h30 em Vilhena e deve seguir por quase todo o dia.
O Ministério Público de Rondônia (MP-RO) acusa o réu de homicídio qualificado e ocultação de cadáver.