Prefeitura proíbe transporte de pacientes em ambulância sem ar-condicionado em Cacoal, mesmo com remoção simples

peixe-post-madeirao

Prefeitura proíbe transporte de pacientes em ambulância sem ar-condicionado em Cacoal, mesmo com remoção simples

peixe-post-madeirao
madeirao-default-featured-image

Com decreto assinado por prefeito, cidade fica obrigada a utilizar exclusivamente ambulâncias ‘dotadas de sistemas de ar condicionado’. Decreto proíbe ambulâncias sem ar-condicionado circulem em Cacoal
O transporte intermunicipal de pacientes não poderá mais ser feito em ambulância sem ar-condicionado em Cacoal (RO). É o que determina o novo decreto publicado nesta semana pela prefeitura.
Segundo decreto de N° 8.367, a partir de agora o município fica obrigado a utilizar exclusivamente ambulâncias ‘dotadas de sistemas de ar condicionado’.
Com a determinação, assinada pelo prefeito Adailton Fúria, os pacientes não podem mais ser levados de Cacoal para outra cidade em ambulâncias do Tipo A, de pequeno porte.
As ambulâncias do Tipo A geralmente são usadas para transportar pacientes sem risco de vida, isto é, remoções simples e de caráter eletivo. Além disso, a tripulação mínima neste tipo de veículo é para um motorista e um técnico de enfermagem.
Segundo a prefeitura, o decreto em Cacoal já está em vigor.