Pessoas com comorbidades acima de 30 anos enfrentam fila e sol para tomar vacina da Covid em Porto Velho

peixe-post-madeirao

Pessoas com comorbidades acima de 30 anos enfrentam fila e sol para tomar vacina da Covid em Porto Velho

peixe-post-madeirao
Pessoas com comorbidades acima de 30 anos enfrentam fila e sol para tomar vacina da Covid em Porto Velho


Esse foi o primeiro dia de vacinação das pessoas com comorbidades acima de 30 anos. Vacinação na quinta-feira (3) será suspensa por causa do feriado de Corpus Christi. Vacinação contra o coronavírus é realizada para pessoas acima de 30 anos com comorbidades em Porto Velho
Ana Lídia Daibes/G1
O primeiro dia de vacinação das pessoas com comorbidades, acima de 30 anos, registrou uma extensa fila nesta quarta-feira (2) em uma faculdade de Porto Velho, ponto usado para aplicação do imunizante.
Durante o tempo de espera para receber a primeira dose da vacina, o público teve que driblar o sol e o intenso calor. Algumas pessoas chegaram a levar sombrinha para a fila de vacinação.
Segundo a prefeitura de Porto Velho, a fila acaba se tornando maior pois não foi só o público acima de 30 anos que estava na fila, mas também outros públicos, como pessoas com doenças renais crônicas e pessoas com Síndrome de Down (ambos acima de 18 anos), além de grávidas maiores de idade.
A vacinação nesta quarta-feira começou às 9h no campus I da Faculdade Uniron, no bairro Lagoinha, e vai seguir até 16h. Já na quinta-feira (3), a imunização contra o coronavírus ficará suspensa por causa do feriado de Corpus Christi.
Para serem vacinados, o público com comorbidades acima de 30 anos precisou fazer o agendamento pelo aplicativo SASI e comprovar a doença pré-existente, através de exames, receitas, relatório médico, prescrição médica, laudo, cartão do BPC, cartão do hiperdia, entre outros.
O que são considerados comorbidades?
Diabetes mellitus
Hipertensão arterial sistêmica grave (de difícil controle e/ou com lesão de órgão-alvo)
Doença pulmonar obstrutiva crônica
Doença renal
Doenças cardiovasculares e cerebrovasculares
Pessoas transplantadas de órgão sólido
Anemia falciforme
Obesidade grave.
‘Vacinômetro’
Segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde de terça-feira (1°), Porto Velho recebeu 109.085 doses de vacina contra a Covid e, deste total, aplicou 71.025 doses (cerca de 65%).
Já em relação a segunda dose, a capital recebeu 60.632 doses e aplicou 41.537 (cerca de 68% do total recebido).
Veja quem pode ser vacinado em Porto Velho
Veja como baixar o aplicativo SASI
Feriado de Corpus Christi: veja o que abre e o que fecha em Porto Velho
Veja as últimas notícias de Rondônia