Mais de 120 mil pessoas aptas a se vacinar ainda não tomaram a 1ª dose contra a Covid em Porto Velho

peixe-post-madeirao

Mais de 120 mil pessoas aptas a se vacinar ainda não tomaram a 1ª dose contra a Covid em Porto Velho

peixe-post-madeirao
Mais de 120 mil pessoas aptas a se vacinar ainda não tomaram a 1ª dose contra a Covid em Porto Velho

Todos os grupos acima dos 65 anos já foram totalmente imunizados com a primeira dose. Dados são do Ministério da Saúde. Porto Velho começa aplicação da 2ª dose da vacina contra Covid-19 em profissionais da saúde
Semusa/Divulgação
Cerca de 30% da população apta a se vacinar em Porto Velho – com mais de 18 anos – ainda não compareceu nos pontos de vacinação para receber a 1ª dose ou dose única da vacina contra a Covid-19. Os dados são dos Ministério da Saúde, repassados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).
O percentual é equivalente a 123.932 pessoas, levando em consideração a estimativa populacional de 2020 e a população vacinada até às 10h do dia 11 de agosto de 2021.
Pessoas que não tomaram a 1ª dose em Porto Velho
Segundo o levantamento, os públicos com mais de 65 anos são os únicos que foram todos imunizados com ao menos uma dose. No entanto, as pessoas vacinadas do grupo somam apenas 10,6% do total de doses aplicadas.
Os números preocupam pela ausência de pessoas que podem se vacinar há meses. A faixa etária de 50 anos acima sem comorbidade, por exemplo, pode tomar a vacina desde o mês de junho. No entanto, mais de 8 mil não estão imunizadas.
O levantamento aponta que a classe menos vacinada é de 18 anos. No entanto, por enquanto as pessoas com essa idade só podem se vacinar caso façam parte de algum grupo prioritário.
Com relação às pessoas que receberam alguma dose, a faixa de 35 a 39 anos é a mais numerosa, totalizando 12% de todas as doses aplicadas.
Relembre o início da vacinação
A primeira pessoa vacinada contra a Covid-19 em Porto Velho foi Fátima Leitão de Souza, de 54 anos. Ela é auxiliar de enfermagem e recebeu o imunizante dia 19 de janeiro de 2021. Desde então, 312.470 doses foram aplicadas, de acordo com o Painel Vacinômetro da Prefeitura de Porto Velho.
Os profissionais, idosos acima de 75 anos e indígenas foram a prioridade inicial do Plano Nacional de Imunização (PNI). Atualmente Porto Velho está vacinando pessoas com 20 anos ou mais, com ou sem comorbidade, além dos grupos prioritários.
Desde o início da pandemia, mais de 2 mil pessoas morreram de Covid-19 na capital.
Veja mais notícias de Rondônia