Facção cortou cabelo de adolescente antes de matá-la a tiros no “Orgulho”, diz polícia

peixe-post-madeirao

Facção cortou cabelo de adolescente antes de matá-la a tiros no “Orgulho”, diz polícia

peixe-post-madeirao
garota morta faccao

A adolescente que foi assassinada no Orgulho do Madeira teve o cabelo cortado com uma faca, antes do crime, por uma facção criminosa de Porto Velho. A vítima identificada pelas iniciais [L. de A. N.] tinha 15 anos e foi alvejada por três tiros no início desta semana.

De acordo com a Delegacia de Homicídios da capital, não restam mais dúvidas que a menor foi torturada antes de ser morta.

“Um grupo, com homens e mulheres, torturou a vítima antes de matá-la. Se trata de uma rixa entre facções. Essa é a segunda mulher morta por um grupo de facção”, lembra um policial do Serviço de Investigação e Captura (Sevic). O outro caso semelhante é o da vítima identificada pelas iniciais [B. A.], que teve o corpo encontrado em um terreno baldio.

A adolescente, segundo a polícia, foi assassinada a tiros no Residencial Orgulho do Madeira em Porto Velho na última segunda-feira (28). A Delegacia de Homicídios da capital continua investigando o caso e ninguém foi preso pelo crime até esta quarta-feira (30). Fonte: G1

VEJA TAMBÉM

Polícia identifica jovem que foi encontrada morta, ela foi assassinada por facção criminosa

Jovem é torturado e morto por grupo de mulheres de facção criminosa em porto velho