Peru: incêndio florestal coloca Machu Picchu em perigo

peixe-post-madeirao

Peru: incêndio florestal coloca Machu Picchu em perigo

peixe-post-madeirao
machu_picchu_peru

Chamas já alcançaram área equivalente à Cidade do Vaticano

Ouça a matéria:

Bombeiros peruanos têm lutado contra o tempo para apagar um incêndio florestal que coloca em perigo um dos locais arqueológicos mais importantes do mundo. O incêndio encontra-se perto das ruínas incas de Machu Picchu e continua a fazer estragos nos Andes peruanos.

De acordo com a Reuters, as chamas já alcançaram área equivalente à cidade do Vaticano e começaram na última terça-feira (28), depois de agricultores locais terem ateado fogo para queimar erva e preparar novas colheitas. Em apenas um dia, mais de 20 hectares arderam. O presidente da Câmara de Cuzco seguiu todas as operações.

As chamas estão cada vez mais perto de um dos locais mais importantes e visitados no mundo, Machu Picchu, um complexo arqueológico de estruturas em pedra que foi construído há mais de 500 anos pelos incas, qundo o império dominava o que hoje corresponde aos territórios do Equador e do Chile central.

Devido à dificuldade de acesso a muitas áreas dos Andes, os bombeiros têm tido dificuldade em apagar as chamas.

“Estamos lutando contra este incêndio há mais de dois dias e não tem sido possível controlá-lo, dado que a área é inacessível”, explicou aos meios de comunicação Roberto Abarca, diretor do Gabinete de Segurança e Gestão de Risco de Cuzco.

Machu Picchu, que foi considerada uma das sete maravilhas do mundo, continua em perigo com os bombeiros locais a tentarem levar a melhor sobre as chamas. No entanto, o Ministério da Cultura do Peru informou no Facebook que especialistas avaliam estragos em outro local de interesse arqueológico, o monumento de Llamakancha.

Fonte: EBC