Nuvens Cumulonimbus: fenômeno surpreendeu os moradores de Boa Vista

peixe-post-madeirao

Nuvens Cumulonimbus: fenômeno surpreendeu os moradores de Boa Vista

peixe-post-madeirao
nuvens_cumulonimbus

A nuvem que se formou no céu de Boa Vista rendeu diversos registros e gerou até memes.

Uma nuvem carregada dividiu o céu de Boa Vista (RR), na sexta-feira (1º). A formação diferente deixou alguns moradores “assustados” e ocorreu pouco antes de chover. Dezenas de fotos registrando o momento foram compartilhadas nas redes sociais gerando até memes.

A nuvem se formou por volta das 18h. “Me diga: qual boa-vistense não postou foto do céu hoje?”, questionaram em uma página no Instagram.

O estudante de jornalismo Eduardo Fredi estava na Universidade Federal de Roraima (UFRR) quando presenciou o momento. Ele contou que não esperava, já que o céu estava limpo alguns minuto antes. “Eu olhei o céu e fiquei um pouco assustado, porque eu vi aquela nuvem que há pouco tempo não estava ali”, disse.

Esse efeito ocorre quando nuvens Cumulonimbus se formam no céu, conforme explica o pesquisador do curso de geografia da UFRR, o professor de hidrologia e clima, Carlos Sander:

“É uma nuvem de forte desenvolvimento vertical que podem superar espessuras superiores a 14 quilômetros. A única coisa é seu formato exótico, mas esse tipo de nuvem domina toda estação chuvosa associada a instalação na nossa região da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT)”.

Carlos Sander

Ainda de acordo com o pesquisador, é comum que a nuvem traga chuvas mais fortes como a que ocorreu após o fenômeno, conhecidas como “chuvas convectivas”, popularmente chamadas de “chuvas de verão”. “São marcadas pela forte intensidade e de curta duração, ou seja, muita chuva em um período de tempo reduzido”, finalizou.

Fonte: Portal Amazônia