Grosjean mostra como ficaram suas mãos após seis semanas do acidente

peixe-post-madeirao

Grosjean mostra como ficaram suas mãos após seis semanas do acidente

peixe-post-madeirao
romain-grosjean-mostra-a-recuperação-das-queimaduras-nas-mãos-no-instagram

Passadas seis semanas do grave acidente no GP do Barein da Fórmula 1, Romain Grosjean mostrou o estado das sua mãos após tratamento para queimaduras. Com a retirada dos curtativos, o piloto expôs nas redes sociais como ficaram as cicatrizes.

“Minhas mãos estão de volta, e Petrus não está tão infeliz com isso!”, escreveu o piloto.

© Reprodução Instagram Mãos de Grosjean após acidente

O francês tem publicado nas redes sociais a evolução do tratamento nas mãos. O piloto foi vítima de um grave acidente no último dia 29 de novembro, no qual colidiu com um guard-rail e ficou preso durante quase 30 segundos no cockpit do carro da Haas, enquanto estava no meio de um incêndio.

Na ocasião, Grosjean disse naqueles segundos se lembrou do grave acidente com incêndio que Niki Lauda sofreu em 1976 e nos seus filhos.

“Fiquei em paz comigo mesmo e senti que ia morrer. Comecei a me perguntar: “Vai queimar o meu sapato, o pé ou a mão? Vai ser doloroso? Como vai começar?” Mas pensei nos meus filhos e eu disse “não, eles não podem perder o pai hoje”. Decidi virar meu capacete para o lado esquerdo e depois tentar torcer meu ombro. Percebi que meu pé estava preso no carro, então eu puxei o máximo que pude e meu pé saiu da sapatilha. Fiz de novo e meus ombros doeram; e eu sabia que ia pular”, lembrou Grosjean.

Fonte: ISTOÉ