Fórmula 1: Bottas surpreende e fatura pole para a Sprint Qualifying na Itália

peixe-post-madeirao

Fórmula 1: Bottas surpreende e fatura pole para a Sprint Qualifying na Itália

peixe-post-madeirao
valtteri-bottas

Valtteri Bottas conquistou nesta sexta-feira (10) a pole position para a Sprint Qualifying do Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1. Na classificação realizada nesta tarde no Autódromo Nacional de Monza, o piloto da Mercedes registrou na última das suas voltas no Q3 1min19s555, garantindo a ponta para a mini corrida que definirá as posições de largada para o domingo.

A segunda posição no grid ficou com Lewis Hamilton, que acabou superado em 0s096 por Bottas, seu companheiro de equipe. Max Verstappen, com a Red Bull, ficou com a terceira posição no grid, dividindo a segunda fila com Lando Norris, da McLaren. O grupo dos cinco primeiros foi completado por Daniel Ricciardo, companheiro de equipe de Norris.

Pierre Gasly colocou a AlphaTauri para a sexta colocação no grid para a Sprint Qualifying. Carlos Sainz colocou a Ferrari na sétima posição e terá ao seu lado na quarta fila Chales Leclerc, com o outro carro do time de Maranello. Sergio Pérez colocou a outra Red Bull na nona posição, enquanto Antonio Giovinazzi, da Alfa Romeo, fecha a lista dos dez melhores.

A programação da Fórmula 1 em Monza segue neste sábado (11), com um treino livre às 7h e a Sprint Qualifying às 11h30. As duas atividades contarão com transmissão do BandSports, enquanto a mini-corrida será exibida também pela Band. O Grande Prêmio da Itália será disputado no domingo (12), às 10h. Band e rádio BandNews FM mostram a corrida.

Confira como foi a classificação

Q1

A classificação em Monza começou com clima agradável, com temperatura em 25°C e umidade do ar em 43%. O asfalto estava em 43°C. Os pilotos demoraram um minuto para saírem para a pista, e começaram a marcar suas voltas pouco depois. O primeiro a registrar tempo foi Charles Leclerc, que logo foi superado por seu companheiro de equipe, Carlos Sainz, que cravou 1min22s495.

Max Verstappen se colocou na frente, mas viu Lando Norris tomar a liderança. Pouco depois, a Mercedes mandou seus dois pilotos à pista com pneus macios pela primeira vez no final de semana. Lewis Hamilton tomou a liderança ao marcar 1min20s543, marca 0s261 melhor em relação a Valtteri Bottas, que tomou a segunda posição.

Verstappen e Pierre Gasly reclamaram do excesso de trânsito em uma das voltas, enquanto Norris avançou para o terceiro lugar com a McLaren, quando restavam seis minutos para o final da sessão, sendo superado pelo líder do campeonato pouco depois. George Russell, por sua vez, pulou para o 11º lugar com a Williams.

A sessão foi para os minutos finais com Sebastian Vettel e Esteban Ocon na zona de eliminação. Os dois, então, partiram para voltas rápidas. Os dois conseguiram avançar para o top-5, enquanto Norris tomou a terceira posição de Verstappen. Hamilton terminou como o mais rápido, enquanto Nicholas Latifi, Yuki Tsunoda, Mick Schumacher, Robert Kubica e Nikita Mazepin foram eliminados.

Q2

A segunda rodada da classificação começou com os pilotos partindo à pista pouco depois de os boxes serem abertos. O primeiro a marcar tempo foi Pérez, que logo foi batido por Verstappen. Bottas avançou para a ponta, mas foi superado por Hamilton, que marcou 1min19s936, quebrando a barreira de 1min20s pela primeira vez no final de semana.

A McLaren, pouco depois, viu Norris marcar o terceiro tempo, ficando à frente de Ricciardo. Giovinazzi, por sua vez, aparecia em sétimo com a Alfa Romeo. Com sete minutos para o encerramento da sessão, os pilotos foram aos boxes para fazerem ajustes nos carros e trocarem os pneus. Ocon, Vettel, Sainz, Russell e Alonso estavam entre os eliminados.

Os pilotos partiram para a pista quando restavam três minutos para o final da sessão, com Hamilton, Verstappen e Vettel quase se encontrando no pit lane. O holandês avançou para a terceira colocação, 0s293 atrás de Hamilton, que terminou com o melhor tempo. Vettel, Stroll, Alonso, Ocon e Russell foram os eliminados.

Q3

A rodada final começou com nove dos dez pilotos partindo para a pista, exceção feita a Giovinazzi. Bottas foi o primeiro a completar volta, mas cometeu um erro e marcou 1min20s388. Hamilton se colocou na frente com 1min19s949, e foi seguido por Verstappen, que ficou 0s017 atrás. Norris acertou grande volta e se colocou em terceiro, 0s065 distante do inglês da Mercedes.

Os pilotos retornaram aos boxes para os últimos ajustes antes da última tentativa de volta rápida. Verstappen, sem vácuo, não melhorou seu tempo. Bottas, por sua vez, marcou 1min19s555, garantindo a ponta no grid para a Sprint Qualifying, batendo Hamilton por 0s096.

Fonte: Racing Online