Ariquemes: Começam aulas da 7º turma do Projeto Municipal Pré-Enem, Vestibulares e concursos

peixe-post-madeirao

Ariquemes: Começam aulas da 7º turma do Projeto Municipal Pré-Enem, Vestibulares e concursos

peixe-post-madeirao
enem prova

As aulas da sétima turma do projeto municipal Pré-Enem , vestibulares e concursos começaram na noite desta segunda-feira (05), nas Faculdades Integradas de Ariquemes (Fiar), parceira da iniciativa promovida pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed). 

A coordenadora do projeto, Olímpia Fernandes, explica que professores voluntários da rede municipal e do Ifro ministram aulas de química, física, biologia, matemática, língua portuguesa e produção textual para os 150 participantes desta edição do curso. 

Esta etapa ainda contará com aulas intensivas em finais de semana e mais prolongadas nos períodos noturnos, nos dez dias que antecedem o Enem, previsto para os dias 3 e 10 de novembro: “Esse ano conseguimos mais parceiros. Teremos esta novidade que é o ‘Corujão’ nos 10 dias que antecedem o Enem, com professores que vêm de fora do Estado”.

O projeto

O Pré – Enem, Vestibulares e Concursos nasceu em 2017, em uma iniciativa da prefeitura de Ariquemes, com o objetivo de oferecer preparação gratuita às pessoas de baixa renda. Já atendeu mais de 600 alunos e pelo menos 50 deles conseguiram ingressar em Universidades Federais ou foram contemplados com bolsas total ou parcial em faculdades privadas. “O sucesso do projeto trouxe mais parceiros e fortaleceu os resultados. Hoje nós temos professores que ministram aulas em cursinhos particulares que são nossosparceiros” , disse Olímpia

Fila de espera

A secretária da Semed, Cleuzeni Maria de Jesus, diz que demanda por vagas na capacitação gratuita é grande e para dar oportunidade igualitária, é feita a inscrição de todos os candidatos que se cadastram. Após a triagem classificatória, é mantido um cadastro reserva. 

Sempre que novas turmas são abertas,  a secretaria entra em contato com estes alunos, que têm preferência pelas vagas. “Assim é assegurado que todos tenham oportunidade de receber a preparação necessária para competir em pé de igualdade com os egressos da rede privada de ensino”, onclui Cleuzeni.