Mais de 40 empresas já aderiram à feira Liquida Cacoal; ACIC planeja festival de descontos

peixe-post-madeirao

Mais de 40 empresas já aderiram à feira Liquida Cacoal; ACIC planeja festival de descontos

peixe-post-madeirao
cópia de PicsArt_11-03-02.54.30

A Associação Comercial e Industrial de Cacoal (ACIC) organiza neste mês, entre os dias 07 e 13 de novembro, uma grande campanha de descontos junto às empresas cacoalenses. Até esta quarta-feira (03), 42 empresas já haviam aderido à feira Liquida Cacoal, que promete descontos de até 70% durante todo o período de realização.

“As empresas que tenham interesse em se juntar a todos nós e participar de mais este grande evento, que é promovido também com o apoio da FACER (Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Rondônia) e do SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), ainda dá tempo. Podem procurar a ACIC, ou entrar em contato diretamente com o coordenador do evento”, destacou Joici Eggert Strey, presidente da ACIC.

Benefícios

Coordenando a feira Liquida Cacoal está o senhor Lucimar Antônio Lubiana Gonçalves. De acordo com ele, além de fortalecer o evento e movimentar o comércio local, a adesão de mais empresas traz inúmeros benefícios, tanto para os consumidores, como também para cada empresa participante.

“Os benefícios, além de ter a possibilidade de vender mais no período da feira, é que a empresa tem a possibilidade de dar visibilidade à sua marca e prospectar novos clientes. Esta é mais uma ação da ACIC que busca unir a classe empresarial e ao mesmo tempo trazer grandes oportunidades para os consumidores terem acesso aos melhores produtos, pelos melhores preços”, ressalta.

Cada empresa participante tem recebido o “Kit Liquida”, composto por 200 bandeirolas para decorar a empresa, 60 etiquetas de precificação (30×20 cm) e 30 etiquetas (15×20 cm). “Também são 22 horas de publicidade de carro de som e divulgação nas redes sociais e na imprensa cacoalense, que sempre é bastante parceira dos eventos que buscam promover o comércio local”, detalha o vice-presidente da ACIC, Adriano Queiroz.