Browse By

Fhemeron prepara ações para o Dia Mundial do Doador de Sangue

Toda a programação que será desenvolvida no Dia Mundial do Doador de Sangue, 14 de junho, começou a ser discutida entre o presidente da Fhemeron, João Ricardo, juntamente com gerentes de divisões visando alinhar as atividades que serão realizadas. Na manhã de terça-feira, ocorreu a primeira reunião no gabinete da presidência para que seja dado início à coordenação durante o evento.
A data foi criada por iniciativa da Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2014, escolhida em homenagem ao dia de nascimento de Karl Landsteiner (14/06/1868), um imunologista austríaco que descobriu o fator Rh e várias diferenças entre os diversos tipos sanguíneos.
Os gerentes de divisão já estão engajados em mais uma atividade que faz parte do calendário da Fhemeron. Desde o início do ano a Fundação tem desenvolvido campanhas visando manter o estoque de sangue em condições de atender à demanda.
Qualquer pessoa saudável, com idade entre 16 e 69 anos, pode doar sangue. No caso de menores, é necessária a presença dos responsáveis. Com mais de 60 só pode doar se já for doador antigo.
Além de pesar no mínimo 50 quilos e bom estado de saúde, o doador deve está descansado, não ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação, e, no caso de fumantes, evitar o cigarro duas horas antes da doação. Para que o processo de doação seja efetivado, segundo a Fhemeron, é imprescindível que o doador leve documento de identidade com foto.