Browse By

Distrito de Demarcação é destaque na produção de farinha em Rondônia

O distrito de Demarcação, localizado às margens do rio Machado, a cerca de 200 quilômetros de Porto Velho, foi destaque neste último final de semana quando realizou a segunda edição da ‘Festa da Farinha’. Segundo o IBGE Rondônia, o distrito é um dos maiores produtores de farinha da região Norte do Brasil.
Ocupando o 4º lugar no ranking regional de produção de mandioca, com mais de 660 mil toneladas do produto colhidos por ano, o distrito tem recebido atenção especial da prefeitura de Porto Velho, tanto para a produção quanto para o escoamento e venda da mandioca e da farinha nas regiões de comércio.
“Atualmente, 70 produtores comercializam mandioca na capital”, informou o titular da Subsecretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Semagric), Francisco Evaldo Lima. Segundo ele, por determinação do prefeito Hildon Chaves, já está em fase de criação o Programa de Aquisição de Alimento (PAA) para garantir apoio ao produtor no escoamento e venda da produção.
“Em breve o projeto do PAA seguirá para a Procuradoria-Geral do Município (PGM) e, na sequência, irá para Câmara Municipal, para aprovação. O orçamento é de R$ 1 milhão”, salientou o subsecretário.

Festa da Farinha

A Festa da Farinha, criada para ser um evento tradicional no distrito, foi realizada pela Associação de Mulheres do Distrito de Demarcação, em parceria com a Semagric, Emater, Sebrae e Energia Sustentável do Brasil.
Rosângela Correa Maia, presidente da associação, diz que a festa é sempre um atrativo para mostrar a produção de mandioca da região. “Entre os distritos de Calama e Demarcação, são mais de 120 produtores”, salientou.
Quem prestigiou a festa pôde provar diversas iguarias feitas com mandioca, como o tucupi, goma de tapioca, suco, brigadeiro, entre outros alimentos que foram produzidos durante uma oficina realizada pelas extensionistas da Emater. Durante a festa, além do festival gastronômico, houve palestra e o desfile da Rainha da Mandioca.