Idoso denuncia ameaças de morte por cortar “gatos” dos vizinhos

Após registrar vários boletins de ocorrência na polícia, H. A. T. R., deficiente visual, de 60 anos, resolveu denunciar à imprensa a falta de segurança em viver no Centro de Porto Velho. De acordo com o idoso, ele sofre ameaças de morte dos vizinhos, que seriam responsáveis por uma boca de fumo na região. O motivo: ele não admite que os vizinhos roubem energia elétrica de sua casa, com “gatos”.

De acordo com o denunciante, já foram mais de oito denúncias registradas na Delegacia de Polícia se queixando de furtos de energia em sua residência, localizada na avenida Prudente de Moraes, próximo do Beco da Pamonha. 

O idoso relata que sempre que corta os fios que são usados para roubar a energia de sua residência, os suspeitos do furto ameaçam o idoso de morte e roubam toda fiação elétrica da casa.

Medo

Com medo das ameaças, o idoso está há seis meses longe da casa e não sabe como vai voltar. “Eu fiz todos os boletins, e a única palavra que recebi da polícia é que eles não podem ficar de prontidão aguardando na minha casa.”, relata o idoso sobre a resposta dos policiais.

A reportagem entrou em contato com a assessoria da Polícia Militar (PM), e recebeu a informação que a PM, em trabalho de medida ostensiva e preventiva, repassará aos policiais civis do Serviço de Investigações e Captura (Sevic), para iniciar as investigações do caso mediante aos boletins registrados das denúncias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *