Browse By

Fábrica de Manilhas em Porto Velho completa dois anos de funcionamento

Com o objetivo de acelerar as obras de infraestrutura da capital e demais municípios o Governo de Rondônia investiu na implantação de uma Fábrica de Manilhas, coordenada pelo Departamento de Estradas de Rodagens, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER) e que fica localizada na Colônia Penal, em Porto Velho.
O Projeto foi desenvolvido em parceria com a Secretaria de Justiça (Sejus) voltado à ressocialização de apenados e é deles a mão de obra que produz em média 45 manilhas de concreto por dia. “Atualmente Trabalham na fábrica 20 apenados que cumprem pena no regime semiaberto. O trabalho é remunerado com um salário mínimo, recursos oriundos do Fundo Penitenciário”, explica o diretor do DER, Luiz Carlos Katatau.

Drenagem

Segundo informa o gerente da fábrica, João Nogueira, no primeiro ano de funcionamento foram produzidas cerca de seis mil manilhas e de acordo com o planejamento do DER, este ano deve produzir oito mil, visando atender as obras de drenagem dos bairros da capital.
Dentre os bairros beneficiados com as manilhas estão os bairros, Ronaldo Aragão, Floresta, Jardim Santana, Conceição, Planalto e Aeroclube, que fazem parte do Programa de Governo, Minha Rua que está levando obras de asfaltamento com drenagem, meio-fio, sarjetas e calçadas a seis bairros de Porto Velho, totalizando 31 quilômetros de ruas.
E não é só na capital que as manilhas são utilizadas, elas também são usadas nas obras de drenagem nos municípios de Ariquemes, Buritis, Cacoal, Ji-Paraná, Rolim de Moura e Pimenta Bueno, de acordo com as demandas levantadas pelas Residências do DER, nos municípios.
Além de manilhas a fábrica produz ainda blocos de concretos e tampas de bueiros e funciona de segunda a sexta-feira no horário comercial.