Browse By

DIREITOS DA MULHER: Representantes da Sociedade Civil Organizada são empossados no CMDDM

Foram empossados na manhã de ontem, 6, as representantes da Sociedade Civil Organizada que passam a fazer parte do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher (CMDDM), em Porto Velho. O Termo de Posse foi assinado pelo prefeito Hildon Chaves.

O prefeito parabenizou o grupo de mulheres pelo engajamento social e dedicação ao tema. Hildon Chaves disse acreditar na prevenção e conscientização para reduzir números estatísticos em diversos setores em Porto Velho, sobretudo, na Educação. “O enfrentamento passa por essa fase e nada melhor do que trabalhar as nossas crianças que serão os adultos de amanhã. Se não fizermos um trabalho eficiente teremos eles [menores] na posição de agressores ou de vítimas e, sabemos o endereço fixo delas por 200 dias por ano”, indica. O gestor sugere ao CMDDM a produção de uma cartilha sobre a questão e a parceria com as escolas municipais e estaduais para realização de palestras no ambiente educacional.

A presidente do colegiado, vereadora Cristiane Lopes, disse que o ingresso das novas integrantes é importante e dá mais fortalecimento à categoria. “É bom saber que os órgãos estão preocupados, pois estamos falando de família, de organização e de desenvolvimento da cidade”. Segundo ela, é um dever dado, uma nova missão em novo nível e, “agora, estamos fazendo acontecer. Que possamos estar cada vez mais juntos com a prefeitura, em parceria firme”, completa.

Iara Ortiz, vice-presidente da entidade e representante das Sociedade Civis Organizadas, ressalta que “o Conselho é um aliado do Executivo Municipal. Aqui é somatória de forças para que a sua gestão se sobressaia sobre as anteriores”.

RANKING DE VIOLÊNCIA

A vice-presidente da entidade ainda apresenta números preocupantes e recentes. “Somente no primeiro trimestre deste ano, Porto Velho atingiu o montante de 400 inquéritos abertos instaurados na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de violência contra a mulher e doméstica, sendo que 350 delas já estão com medidas protetivas”, anunciou Iara. A Capital está em 7º lugar no ranking da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres, vinculada ao Ministério dos Direitos Humanos.

Titulares e Suplentes

I- Câmara dos Dirigentes Lojistas de Porto Velho (CDL)

Thays Gabriele Neves Prado – titular

Veronica Molony Prado Rosa – suplente

II – Grande Loja Maçônica do Estado de Rondônia (Glomaron))

Marta Firmino Chaves – titular

Adriane Brito Hitzschky – suplente

III – Sindicato dos Engenheiros do Estado de Rondônia (Senge-RO)

Tais Tiene Iamasaki de Souza – titular

Priscylla Lustosa Bezerra Gomes – suplente