Browse By

Cafeicultura: Agricultores recebem mudas em ação da Emater/RO

Em continuidade ao Programa Mais Café, que vem distribuindo desde o ano passado cerca de sete milhões de mudas clonais de café em todo o Estado, a secretária de Agricultura, Mary Braganhol, participou da entrega simbólica de mais 98 mil mudas, em Dia Especial organizado pela Emater-RO, junto aos agricultores da Gleba G, no Distrito de Nova Londrina, em Ji-Paraná, na tarde de segunda-feira, 5.

Presente na oportunidade, o prefeito Jesualdo Pires agradeceu a parceria existente entre governo e prefeitura para incentivar a ampliação da cultura do café como também as demais iniciativas como a obra do anel viário que vai tornar a região mais produtiva. Ele aproveitou para agradecer ao empenho de toda a equipe técnica que se envolve para dinamizar a agricultura, referenciando a ampliação da produtividade do café com essa nova forma de plantio, que pode elevar a colheita de 15 para cerca de 150 sacas do produto por hectare plantado. Lembrou o trabalho da então secretária Cláudia na Agricultura e as dezenas de agroindústrias implantadas na região. “É o agronegócio que segura o país na crise”.

Ji-Paraná

Ao falar aos agricultores presentes na propriedade do produtor Maurício Souza Zandonadi, morador da segunda linha, km 13, Gleba G, a vereadora Cláudia de Jesus agradeceu ao governo pela disponibilidade das mudas de café, esclarecendo que já foram entregues outras trinta mil e explicou a dificuldade em fazer chegar às mãos dos produtores essas mudas. “Há o empenho de muita gente, por isso, é necessário o esforço do produtor para fazê-las produzir”, disse a vereadora cumprimentando ainda aos alunos das escolas Ulisses Matozinho e Escola Família Itapirema que assistiram o evento.

Maurício vai plantar 2 mil e 500 mudas de café clonal. Já está recebendo orientação técnica sobre como vai conduzir a nova cultura que também demanda irrigação. Plantava melancia e quiabo. Agora vai tentar o café e está confiante na transição.

Representando a Comissão de Agricultura na Assembleia Legislativa, o deputado Lazinho da Fetagro destacou Rondônia como Estado precursor na edição da Lei de compensação por serviços ambientais, que poderá bonificar agricultores por melhorias e graus de conservação à propriedade rural, como a recuperação de nascentes, entre outras melhorias.

Mary Braganhol disse que o governo tem feito um esforço conjunto não só para a ampliação das lavouras, como também no fortalecimento aos programas existentes para alcançar um número maior de beneficiários. Com aquisição de mudas de café, os investimentos já ultrapassam os seis milhões de reais. O Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) recebeu recursos na ordem de R$50 milhões nos últimos cinco anos e teve ampliação com a criação do PAA estadual para complementá-lo onde ele ainda  não chega.

Investimentos

Também estão sendo adquiridos 39 caminhões para fortalecer esse programa nos municípios com o transporte de alimentos que são adquiridos dos agricultores familiares e distribuídos a instituições sociais para atendimento a famílias carentes. Também há investimentos em calcário e equipamentos para implantação de agroindústrias. “É uma somatória de ações entre órgãos que resultam em benefícios ao setor produtivo”, destacando ações da Sedam, Seagri, Emater, Idaron e prefeituras.

A agricultura estadual receberá ainda um reforço suplementar nos próximos meses com o repasse de patrulhas mecanizadas e implementos agrícolas aos municípios, resultantes de emenda coletiva da bancada federal rondoniense no valor de R$150 milhões de reais. “Com esse reforço será possível multiplicar em muito nossa agricultura em produção e escoamento”, exemplificou Mary Braganhol.

Participaram ainda da solenidade, o secretário municipal de agricultura de Ji-Paraná, Adirço Pedro da Silva; o conselheiro fiscal da Fetagro, Urias Sérgio Dutra; o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Ernesto Ferreira dos Santos; o gerente regional da Emater em Ji-Paraná, Antônio de Assis Gomes Furtado e demais técnicos da empresa.